quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Crônica do dia 1 (manhã) Aí abro o pacote de arroz e deixo cair no chão quase o quilo todo...arrasto a geladeira, varro tudo, coloco num pote, ponho os óculos e cato todas as sujeirinhas, afinal não se pode jogar fora quase um quilo de arroz tio João.....lavo bem e ponho no fogo uma parte do arroz catado do chão. O medo agora é achar um fio de cabelo que estava embaixo da geladeira desde 1986, porque todo mundo sabe que o chão da cozinha nunca está totalmente limpo!!!! Aí abro o face e me deparo com uma foto de 1977 (por aí) com Daniel, meu filho bem pequeno ainda roendo a unha ao lado do pai dele, mais um grupo de amigos muito queridos, e o passado me dá um tapa na cara! Vejo outra foto e meu neto está com o violão que eu ganhei do meu pai quando fiz 13 anos...outro tapa na cara do passado...é, a vida é assim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário